O mundo inteiro para chamar de seu

wordldomination

 

Hmmm. Não seria mal. Seria? Mas..Errr. Não! Ao menos não esse mundo. O mundo inteiro, digo. Se faço planos é para dominar o mundo que é meu. E só. E tá bom. E basta. Cada um no seu quadrado mundo. E já é difícil o nosso próprio, quem dirá o mundo todo. Os dos outros. O do seu vizinho aí de baia. Não olha para ele agora, porque ele vai achar que você está tramando alguma coisa. Olha para cá. Isso. Para cá. Ou levanta para ir ali tomar um cafezinho – se você já não estiver fazendo isso.

Agora respira. Fundo. Não muito fundo para não dar bandeira. Dê aquela esticadinha básica. Uma es-pre-gui-ça-da. Ahhh! Mas sem bocejo, se não o chefe vai achar que você está de corpo mole “como-assim-bocejo-no-começo-do-ano?”. Não. Então, sem bocejo. Só espreguiçada. Foi? Voltou para sua mesa? Então vamos conversar dois minutinhos. Talvez menos. Deve durar menos o meu monólogo por aqui.

Talvez não dure nada.

 

Anúncios

Deixe um comentário! =)

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s